Universidade dá "Curso de Arquivo" com uma Bibliotecária

postado em 9 de out de 2010 17:37 por webmaster site   [ 10 de out de 2010 09:19 atualizado‎(s)‎ ]
Servidores da UEG aprendem a trabalhar com arquivos

Até o próximo dia 30, a Pró-Reitoria de Administração, Planejamento e Finanças - PrA, por meio da Coordenação de Desenvolvimento e Valorização de Pessoas, realiza um curso de arquivo para os servidores da Administração Superior da UEG. A bibliotecária (?) Corali Aparecida Rosa Bugano de Alcântara ministra o curso com carga horária de 20 horas/aula. O objetivo é treinar e habilitar mais de 20 funcionários para o manuseio e arquivamento corretos e adequados de documentos, processos, atas, publicações e imagens que fazem parte dos arquivos da Universidade.

Mais informações:(62) 3328-1402.

Fontes: UEG. Disponível em: <http://www.ueg.br/materia/pra-oferece-curso-de-arquivo-a-servidores/3238>. Acesso em: 23 set 2010.
Goiás Agora. Disponível em: <http://www.noticiasdegoias.go.gov.br/index.php?idMateria=87179>. Acesso em: 23 set 2010.

Por Arquivista.org:

Mais uma vez...


Até em uma universidade pública! Será este mais um caso enquadrado na alínea IV, do Art. 1°, de um arquivista por profissão? A notícia eventualmente omite que a real situação profissional da Sra. Corali e a abrangência das atividades que os servidores irão exercer, podendo ocorrer o exercício ilegal da profissão. Outro equívoco existe em chamar um mero treinamento em organização de documentos de um Curso de Arquivo. Também vale a pena ressaltar que a UEG deveria concursar Arquivistas, ao invés de improvisar soluções que não contribuem de forma definitiva para a correta organização que se espera de uma entidade pública.

Estas são algumas, dentre muitas confusões que devemos estar atentos todos os dias, divulgando e esclarecendo as atividades dos Arquivistas e demais profissionais das ciências da informação.

De novo, para não esquecer...

LEI N° 6.546, DE 4 DE JULHO DE 1978

Dispõe sobre a regulamentação das profissões de Arquivista e de Técnico de Arquivo, e dá outras providências.

O Presidente da República.

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1° O exercício das profissões de Arquivista e de Técnico de Arquivo, com as atribuições estabelecidas nesta Lei, só será permitido:

I - aos diplomados no Brasil por curso superior de Arquivologia, reconhecido na forma da lei;

II - aos diplomados no exterior por cursos superiores de Arquivologia, cujos diplomas sejam revalidados no Brasil na forma
da lei;

III - aos Técnicos de Arquivo portadores de certificados de conclusão de ensino de 2º grau;

IV - aos que, embora não habilitados nos termos dos itens anteriores, contem, pelo menos, cinco anos ininterruptos de atividade ou dez intercalados, na data do início da vigência desta Lei, nos campos profissionais da Arquivologia ou da Técnica de Arquivo;

Fonte: Presidência da República do Brasil. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil/leis/1970-1979/L6546.htm>. Acesso em: 20 set 2010.
Comments